A Caixa Fantástica

 

Entrar no mundo da imaginação, na magia do faz de conta, onde tudo pode acontecer e os sonhos podem virar realidade. Tudo

isso, dentro de uma simples caixa que fora abandonada em uma rua deserta. Brinquedos e ilusões deixados de lado. Isso

aconteceu com Robolouco (boneco de lata), Olorindo (um boneco de Olinda), Barbina (uma barbie bailarina), Chumbinho

(soldadinho de madeira) e com Chiquinha ( uma boneca de pano). Todos esses brinquedos foram colocados dentro dessa caixa

e jogados fora por uma criança que não queria mais utilizá-lo por já estarem velhos e ultrapassados

Olorindo, o boneco de Olinda conta essa estória e nos abre a caixa fantástica para que cada um de seus amigos se apresente.

Eles conhecem o valor da amizade apesar de toda e qualquer diferença.

A peça trata de forma lúdica com coreografias, texto e músicas inéditas a questão da igualdade e inclusão social.

 

Elenco:

Vlademir Daniel – Olorindo
Márcio Guimarães – Chumbinho
Raphaela Silva – Chiquinha
Fernando Pi – Robolouco
Fernanda Bugallo – Barbina
Criança – Bruno Santana

foto2